Poesias

Asas de Borboleta – Poetisa Riselda Morais

Buscando a magia do Universo,
vôo rumo ao desconhecido,
criando rimas e fazendo verso,
para um símbolo já conhecido.

Simplesmente como a borboleta,
com diversos tamanhos e cores,
ou como a “personificação da alma”,
batendo asas, brincando sobre flores!

Representa o renascimento,
a mudança e a imortalidade,
transformação e crescimento,
no matrimônio a felicidade!

A mais profunda fonte da vida,
que exprime voto de longevidade,
são as fases da alma refletida,
na crisálida, o ser da potencialidade!

Quando existe apenas a idéia,
eis o ovo, o ponto de criação,
logo transforma-se em larva,
quando se toma uma decisão!

Quando casulo é o projeto,
em fase de desenvolvimento,
é a etapa do quase concreto,
o que antes era pensamento!

Com a realização,
o casulo vai deixar,
houve a transforma,ção
chegou a hora de voar!

É o ciclo da borboleta,
é o criar e o transformar,
é nossa capacidade, 
de mudar e aceitar!

O homem, assim como a borboleta,
que abandona a crisálida para voar,
liberta-se do invólucro corpo físico,
para uma vida eterna conquistar!

São etapas da alma, para a iluminação,
metamorfose, a arte da transformação,
habilidade de conhecer a própria mente,
com capacidade e poder para melhorar!

A alma é feminina,
mais menina que mulher,
com asas de borboleta,
renascendo quando quer!