Poesias

Ser Amigo – Poetisa Riselda Morais

Ser capaz de confiar
E de dividir segredos
Apoiar e tolerar
Jamais fazer enredos

Brincar e manter respeito
Falar verdades com jeito
Não julgar, nem condenar
Com carinho abraçar

Firme segurar a mão
Partilhar as mesmas dores
Guardar recordação
Lembranças cheias de cores

Agir com paciência
Vivendo o dia-a-dia
Compreender o silencio
Como harmoniosa melodia

É mútua a simpatia
A lembrança traz saudade
A amizade é testada
E vence a adversidade

Alegrar-se com a alegria
E sorrir o mesmo riso
Na tristeza há companhia
Para tudo que é preciso

Sentir-se vitorioso
Com o que o outro realiza
Pode até ser curioso
Mas nunca o banaliza

Mesmo sem se falar
Há sempre algo a contar
Mesmo estando distante
Lembrar-se por um instante

Saber ouvir, desculpar
Falar no momento certo
Se divertir, se perdoar
É ser um amigo esperto

Amigo é sempre fiel
Sincero e verdadeiro
Além de emprestar o ombro
É leal, é companheiro!