Poesias

Sem olhar para trás – Poetisa Riselda Morais

Deixo para trás tudo que me é pesado,
as tristezas, as mágoas, a dor, a raiva,
os problemas, as pessoas que passaram por minha vida
de forma a subtrair e tudo que é negativo; 
não quero carregar em minhas costas
o peso dos erros alheios, apenas os meus;
levo comigo tudo de bom que vivi
e todas as pessoas que entraram em minha vida
para acrescentar e para ficar;
com passos firmes e movimentos precisos
sigo sempre em frente, sem olhar para trás;
meu caminho é desconhecido,
porém, cheio de bifurcações
dando-me direito a todas as escolhas;
posso escolher o caminho mais curto ou o mais longo,
o caminho reto ou o sinuoso,
o mais fácil ou o mais complicado,
o que me importa mesmo é que eu escolha sempre o melhor caminho,
aquele que me levará ao ponto onde desejo chegar,
pois este, já me é conhecido
e ao chegar lá sinto-me feliz por ter escolhido
o melhor percurso e ter uma justa recompensa,
a de me fazer feliz!.